Portal Manhuamirim

Cultura

13/09/2017

Manhumirinhense é candidato a vice-presidente nacional

Manhumirim (MG) - O jovem manhumirinhense João Guilherme Schott é candidato a vice-presidente da Ordem DeMolay no Brasil.

Atualmente, aos 19 anos, ele é o Mestre Conselheiro no Estado de Minas Gerais e agora inicia a jornada pela campanha nacional para o cargo.

João Guilherme Schott foi iniciado na Ordem DeMolay em agosto de 2011, quando tinha apenas 12 anos de idade, no Capítulo Manhumirim nº 499 da Ordem DeMolay para o Brasil. Ele reside na cidade de Belo Horizonte por conta dos estudos e se colocou como candidato a Mestre Conselheiro Nacional Adjunto (Vice-presidente) da Ordem DeMolay brasileira.

João já passou pelos cargos de Mestre Conselheiro (2013), Mestre Conselheiro Regional (2015) e atualmente é o Mestre Conselheiro Estadual (Presidente) da Ordem DeMolay do estado de Minas Gerais, tendo a responsabilidade de ser o representante de DeMolays espalhados por mais de 95 municípios mineiros.

A Ordem DeMolay é uma organização filosófica, fraternal e iniciática para jovens do sexo masculino com idade compreendida entre os 12 aos 21 anos. Foi fundada nos Estados Unidos em 18 de Março de 1919, pelo Maçom Frank Sherman Land e outros nove jovens americanos, sendo patrocinada e apoiada pela Maçonaria, oficialmente, desde 1921, que na maioria dos casos cede espaço para as reuniões dos Capítulos DeMolay e Conventos da Ordem da Cavalaria.

A Ordem é inspirada na história de Jacques de Molay, 23º e último Grão-Mestre da Ordem dos Cavaleiros Templários, nascido no século XIII e morto em 1314 pela Inquisição da Idade Média, acusado arbitrariamente de heresia e infidelidade a Igreja e ao Rei da França.

Há cerca de dois milhões de membros em todo o mundo e mais de 110 mil no Brasil, que realizam diversos trabalhos em prol de um sociedade mais justa, fraterna, igualitária e patriótica, em parceria com instituições com APAEs, Creches, Lar de Idosos, Centros de Recuperação de Dependentes Químicos.