Domingo, 26 de Setembro de 2021
33 999 509 609
Geral Minas Gerais

Seminários virtuais incentivam participação de empreendedores em licitações do Estado

Evento organizado pela Seplag também marca lançamento do Painel de Contratações do Estado com microempresas e empresas de pequeno porte

26/07/2021 10h20
108
Por: Redação Fonte: Secom Minas Gerais

O Governo de Minas Geraisinicia, nesta terça-feira (27/7), às 18h, o webinário “Central de Compras Governamentais de MG – Como participar das licitações do Estado?”. O objetivo é fomentar a participação de empreendedores nos processos de licitações do Estado. O evento segue, neste mesmo horário, nos dias 28/7, 3/8 e 4/8. As inscrições estão abertas ao público e podem ser feitas gratuitamente neste link

A ação, promovida pela Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão (Seplag), em parceria com a Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico (Sede)e com o Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas de Minas Gerais (Sebrae Minas), irá reunir especialistas para tratar sobre a temática de licitações: como funciona o processo, casos de sucesso, participação em pregão eletrônico, realização de cadastros, entre outros tópicos.

O seminário virtual integra as ações previstas no Acordo de Cooperação Técnica assinado entre Seplag, Sebrae e Sede, em abril, para ampliar a participação dos pequenos negócios nos processos de compras públicas estaduais, apoiando e fortalecendo as micro e pequenas empresas e os microempreendedores individuais.

“É do interesse do Estado de Minas Gerais aperfeiçoar, cada vez mais, o processo de licitação e compras públicas, beneficiando todos os envolvidos. O webinário é uma oportunidade para as empresas e entidades que buscam competitividade se capacitarem no assunto e de estarmos mais próximos dos nossos fornecedores”, destaca a secretária de Planejamento e Gestão, Luísa Barreto.

Painel de Contratações

No evento também será lançado o Painel de Contratações do Estado com Microempresas (ME) e Empresas de Pequeno Porte (EPP), outra iniciativa prevista no acordo de cooperação. Por meio da ferramenta, será feito o monitoramento do volume de recursos direcionados para contratações de empresas enquadradas na Lei Complementar (LC) 123 – o estatuto jurídico de microempresas e empresas de pequeno porte.

O painel irá viabilizar alternativas para ampliar a participação destes empresários nos processos e será gerido pela Seplag em conjunto com o Sebrae Minas.

O secretário de Estado de Desenvolvimento Econômico, Fernando Passalio, reforça a relevância da capacitação e do novo Painel.

“O atual momento político, econômico e social do país eleva ainda mais a importância de se aprimorar a atividade de compras públicas. O acordo de cooperação celebrado entre o Governo de Minas e o Sebrae promove ainda mais o uso adequado do poder de compra do Estado, ajudando a desenvolver economicamente regiões e setores, uma vez que capacitará as empresas e gestores públicos e privados, além de gerar espirais positivas que fortalecem a formalização do trabalho e das empresas", considera.  

A iniciativa reforça as ações voltadas ao desenvolvimento econômico do Estado e ao compartilhamento e disseminação de informações. “O sucesso dos nossos procedimentos contribui com o desenvolvimento econômico do Estado e, principalmente, deixa o Governo de Minas mais próximo de seus fornecedores”, afirma o subsecretário do Centro de Serviços Compartilhados, Rodrigo Matias.

O diretor técnico do Sebrae Minas, João Cruz Reis Filho, assinala, nesse sentido, que os pequenos negócios são a base da economia mineira e podem contribuir ainda mais com o desenvolvimento local à medida que tiverem melhores oportunidades de participar das compras feitas pelo Estado.

“Este é o objetivo da nossa parceria com o Governo de Minas: descomplicar processos, estimular a participação do segmento nos editais e oferecer ferramentas, como o Painel de Contratações do Estado, que vai proporcionar melhor avaliação do mercado e a construção de estratégias estaduais para aumentar as contratações dos pequenos negócios mineiros”, ressalta.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias